Ares de renovação

Nunca uma Páscoa ganhou tantos contornos de renascimento e renovação pra mim quanto a deste ano. Passado o feriado, inicio no jornal em outra funçãoe novo horário. Depois de trabalhar onze anos das 13h00 às 21h00, passo agora a atuar das 9h00 às 17h00, em princípio. Na prática, deixo a ponta do fechamento e finalização do jornal para ajudar no início de tudo, na reportagem. Estou animada com a nova perspectiva e os desafios que irão se apresentar. Animação e ansiedade próprias de quem deixa o que estava “acomodado” e se vê entrando em algo “desconhecido”.
Estou muito feliz com as mudanças, não só no aspecto profissional, como também no pessoal. Meu filho agora integra o time de crianças que passam período integral na escolinha. E, acredite, estou agradecida por isso. Antes, a rotina dele se dividia entre a mamão, pela manhã, e a escolinha e a babá no período da tarde. Agora que irá completar três anos, percebo que é mais seguro e indicado que fique na escola quando não estiver comigo. Nessa fase, exemplos e atitudes nas relações afetivas são incorporados e se faz necessária uma triagem mais ajustada de onde virão esse exemplos. Embora a agora ex-babá do meu filho o ame profundamente, assim como ele a ela, a verdade é que ela não conta com conceitos básicos de ética e valores morais. Para ela, jogar lixo na rua é uma “normalidade”. Entrar no ônibus e dar o “golpe” para não pagar a passagem faz parte de vida e outras questões que prefiro não citar por respeito ao fato de ela ter cuidado “da maneira que conhece” do meu filho para que eu pudesse trabalhar. Novos ares agora sopram… Estou confiante…
Deixo aqui um poema que meu amigo José Carlos me enviou recentemente. O autor é o indiano Rabindranah Tagore:

“É hora de partir, meus irmãos, minhas irmãs
Eu já devolvi as chaves da minha porta
E desisto de qualquer direito à minha casa.
Fomos vizinhos durante muito tempo
E recebi mais do que pude dar.
Agora vai raiando o dia
E a lâmpada que iluminava o meu canto escuro
Apagou-se.
Veio a intimação e estou pronto para a minha jornada.
Não indaguem sobre o que levo comigo.
Sigo de mãos vazias e o coração confiante.”

Tags:

6 Respostas to “Ares de renovação”

  1. rita Says:

    oi Carol, acho que vc tomou a decisão mais acertada, deixando Davi na creche, não só porque vai ter bons exemplos , como também vai interagir com outras crianças, o que é muito bom para o seu desenvolvimento,tanto pedagógico quanto emocional. Quando passar algum tempo me diga como ficou a situação do Davi, como ele vai se adaptar a essa nova situação, acredito que ele vai gostar muito.Beijos
    Rita

    • Carol Says:

      Rita
      Acredito que foi uma mudança muito benéfica para nós dois. Tenho fé que Davi fará uma boa adaptação ao período intengral. Hoje foi o seu primeiro dia. Ele estava muito tranquilo.
      Obrigada,
      Beijos,

  2. JOSE CARLOS VIEIRA Says:

    Passaram-se mais de dois mil anos desde que Yeshoua, considerado por ortodoxa e “redencionista” teologia como fundador do cristianismo,foi injustamente imolado e logo após ressuscitando e ainda se entende ter sido sua expiação para salvar a humanidade pecadora. Exegese mais lúcida, no entanto, tem-no como o ser encarnado para “apontar” o caminho que conduz para dentro da experiência da unidade, com o princípio divino da origem . Muitos pensadores, filósofos e avatares contemporâneos perfilham esse entendimento suprareligioso. Por isso os mais conscientes têm a compreensão do verdadeiro significado pascal : o renascimento, o recomeçar algo novo, o “abandonar roupas e caminhos que não mais nos servem” (Pessoa), ou ainda lastreado nos ensinamentos de Campbell, seguir a mitologia tradicional de ajudar as pessoas a perceberem os desdobramentos da vida com integridade. É a tudo isso que o texto remete e mais ainda ao, por vezes, inconsciente campo energético que criamos para surgimento de novas experiências, quer seja adotando comportamento aparentemente inconsequente de postularmos demissão profissional, ante santa indignação diante de ações consideradas injustas e descabidas adotadas contra pessoas em situação de vulnerabilidade e isso se estende à preocupação com a “babá ” , pelo “luto” a ser experenciado ante a separação de Davi e ação pedagógica em transmitir-lhe informações ecológicas e éticas, em perspectiva “dialógica” , sem postura de dominadora e dominada, como criticava Paulo Freire. Enfim, as colheitas estão correspondendo às semeaduras. Por fim a versatilidade da bloguista está em consonância com sentença de Gaston Bachellard : ” nada é fixo para quem sonha e pensa simultâneamente ” . Assim este Pessach vem carregado de significados. Viva-os intensamente e Aleluia!!!

    • Carol Says:

      Estou com fé de que todas as coisas irão se ajustar. Hoje foi o primeiro dia desta adpatação. Estou confiante,
      Obrigada pelo apoio,
      Beijos,
      Carol.

  3. Paulo Corrêa Neto Says:

    Carol
    A única coisa permanente existente em nossa vida é a mudança. Que ela venha ao nosso encontro para nos ensinar a Amar, pois o Amor nos faz sentir que tudo vale a pena.
    Feliz Pascoa
    Beijos e Abraços
    Paulinho

    • Carol Says:

      Obrigada querido Paulinho,
      Realmente as mudanças acontecem a cada milésimo de segundos. Nos cabe a flexibilidade de nos adaptarmos ao novo. Até mesmo o caos tem a sua própria “ordem”. Estou otimista. Obrigada pelas palavras de apoil.
      Muito beijos a você e à Renata.
      Carol.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: